sábado, 24 de março de 2012

PERIPÉCIAS 3 "PEDINTE" INVOLUNTÁRIO

Dividir é saber amar, é dar duas vezes, é dar óbolo, esmola, dizimo, é pagar graça,agradecer por milagre recebido, expiar culpa! 
Foi filosofando, filosofo formado pela escola do inesperado, pós graduado em ser surpreendido mestrado em não ofender, todo este blá blá para justificar: eu recebi óbolos? Graças à dopamina, eu algumas vezes me meto a besta em ser escultor (por incrível que pareça, consegui), e estou na fase final de esculpir a cara de um bulldog bonachão que várias ocasiões dava uma babada na Nina Maria, ele tinha um nome ariano, Otto Henrique. 


Homenagem a Otto  in memorian (clique no link)  

Esta escultura é em pedra sabão que ao ser trabalhada produz um pó fino que polui, suja o ambiente.
Como não quero perder a amizade e outras benesses da minha querida esposa, eu transporto para uma praça em frente à minha casa. 
Esta praça além de ter muitos bancos, muitos turistas, muitas árvores, coqueiros, palmeiras (corintianos também), que proporcionam magníficas e convidativas sombras abrigadas e sentadas, esculpia, lixava, desbastava estava esculpindo. Minha companheira bengala fazia par com meu boné depositado no banco. 
Quando eu me torno um arteiro (artista, mas nem tanto) fico extasiado e absorto, percebi a chegada de um bando de coreanos falantes começaram a me fotografar, meu inglês é macarrônico mas o deles é pior; expliquei que tinha doença de parkinson e estava fazendo terapia, retornei a esculpir e eles falando, fotografando eu absorto e de repente escuto um tilintar de arruelas batendo com arruelas, eu absorto, olhei desolado vi que eram moedas e um papel cédula voava em direção do meu boné e eu absorto? Que nada, fiquei em estado de "que eu faço e FIZ, filosofei, agradeci e para não ofende-los aceitei! Quando eles se foram, contei 26 dólares bem-vindos. Que fazer? O que vocês fariam? 

Informo que ensino filosofar e a esculpir! 

12 comentários:

mfc disse...

Olááááá... uma escultura formidável!!!

Marcia Silveira Farah Reis disse...

..rs...rs...rs...rs...magnifico...adoro ler suas histórias....rs.
Grande beijo, Marcia S. Farah Reis

Giu Bergamo disse...

Aí pai! Vivendo e aproveitando as experiencias! O que faria? "entrega, confia, aceita e agradece!" mantra da paz! Parabéns! Sou sua fã. Quero aprender a arte de filosofar! Bjo bjo

Sonhadora disse...

Meu amigo

Um texto para reflectir...e eu adorei ler.
A peça é uma obra de arte.
Beijinho
Sonhadora

José Pascoal Vaz disse...

Olá, Bérgamo

Não é a primeira vez que V. é agraciado com moedas sem pedir (a outra vez foi no ônibus...). Fico imaginando se V. pedir. Que tal fazermos uma dupla? Eu conto o dinheiro e divido, topas? ...rs...
bjs, Pascoal

Marcia S. Farah Reis disse...

Bérgamo, como tem gente (Pascoal) esperata nesse mundo....ve se ele quer dividir o Parkinson contigo?...rs..
Grande beijo, Marcia

Anônimo disse...

Paschoal ( vai com ch que é tão antigo quanto você,sem querer querendo) não se apresse, vai ter "pedinte " 2, 3 4, estão no prelo,
antes teremos: derrubada de latas
de açucar 1 e 2, derrubada de lata de café 1 e 2 e esta ´´e nova derrubada de lata de farinha lactea na varanda!! Imagine pó caindo do 9 andar até o terreo, queres ser meu manager em derrubadas?
O PARKINSON FAz EU DERRUBAR; MAS NUNCA NUNCA ELE IRA ME DERRUBAR.
BERGAMO

labergamo disse...

Ahhh! ia esquecendo: derrubada de chicaras de café quente com os seguintes personagens: marido em frizzing de perna de cuca, cadela(não é ela é a cachorrinha Nina, puxa da comoda, roupas novas em cima COM GAVETAS ABERTAS,
esposa (com dois p's um é..o outro é..) irritada por natureza, imagine as 5 da matina prestes a pegar busão do Itararé aqui em São Vicente até a Ponta da Praia em Santos com aquelas companheiras finas no coletivo.

Dani Bergamo disse...

Tio !
que alegria e prazer poder ler seus posts... um misto de surpresa e saudade. Surpresa, pois jamais pensei que vc tinha esse DOM - de convencer e emocionar tanto pelas palavras. Saudades, pois tenho certeza absoluta de que nosso querido Nonno está lá em cima, se revirando de orgulho de vc !
Virei sua fã !

bjos, DANI
(Danina !)

tossan® disse...

Então Amiguíssimo Bergamo, penso assim: Você é um barato! Você é um sujeito terrível no bom sentido da palavra! Você não guarda segredos, conta tudo pra todo mundo e para as nossas mulheres também! preocupante, mas eu nego tudo! Brincadeirinha só para quebrar o gelo!
Este teu blog já faz história, não pare de escrever, com o talento da narrativa e do bom humor, ele está dentro de você. Seja feliz meu amigo. Abração

Anônimo disse...

Tio Bergamo mais uma leitura e estou querendo mais! Obrigada Escultor! bjs Mi
michelealves

jvc disse...

Maravilha!!! adorei,adorei sem duvida foi um achado para mim participar da sua amizade, Abraços anigo.